Siga o Portal do Holanda

Brasil

Tinder é acusado de transfobia

Publicado

em

O aplicativo de paqueras, Tinder, vem sendo acusado de transfobia por usuários. Neste domingo (12), a tag #TinderTransfobico ganhou força no Twitter. Segundo internautas transexuais estão tendo seus perfis excluídos pelo aplicativo.

A conta do Tinder nas redes sociais diz que o aplicativo “é para todas nós, é para todos nós, é para todes nós” –a expressão “todes” é empregada como forma de linguagem inclusiva para trans. Além disso, a logomarca do app também estava nas cores do arco—íris, que é usada para representar a comunidade LGBTQI.

Segundo usuários que tiveram as contas excluídas, basta colocar na biografia que é trans, que o perfil cai. É comum também o perfil ser excluído após denúncias de usuários, já que o app não possui categoria para mulher trans ou homem trans.

Em nota, o Tinder afirmou que não bane usuários por conta da sua identidade de gênero, mas reconhece que a comunidade trans enfrenta desafios no aplicativo, incluindo ser injustamente denunciado por matches (parceiros) potenciais. A empresa pede a aqueles que consideram terem sido injustamente banidos entrar em contato pelo endereço de e-mail [email protected]


Últimas notícias

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.